Confira dicas de finanças para autônomos

5 dicas dedicas de finanças para autônomos

Cerca de 25 milhões de brasileiros são autônomos, de acordo com a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), realizada em 2021, o mesmo estudo ainda aponta que a renda média de um trabalhador autônomo atinge por volta de R$2.021 por mês. Por isso, finanças para autônomos é fundamental

Tendo em vista essas porcentagens, nós separamos 5 dicas. Confira!

1. Separe suas finanças pessoais

Ao ter o seu próprio negócio, é importante ressaltar que o seu dinheiro pessoal e o empresarial não devem se misturar. O ideal é criar uma conta apenas para o seu empreendimento, dessa forma você consegue ter um controle financeiro do que entra e sai da sua empresa.

Simplificando, crie uma conta como pessoa jurídica e outra como pessoa física.

2. Entenda a sazonalidade do seu negócio

Alguns empreendimentos têm mais demanda em certas épocas do ano e baixas em outros momentos, por exemplo uma pessoa vende roupas de praia, ela terá uma alta nas vendas durante o verão e provavelmente uma baixa durante o inverno.

É necessário indicar a sazonalidade do negócio no planejamento dos autônomos evitando possíveis imprevistos.

3. Fique atento ao capital de giro

Ter um capital de giro é indispensável para os autônomos, já que ele estrutura a manutenção do seu negócio, custeando as despesas fixas e variáveis.

Faça o cálculo corretamente e tenha um valor disponível com liquidez!

4.  Programe suas férias

Trabalhar é importante, mas descansar é necessário e ainda melhora a sua produtividade. Ao organizar as suas finanças pessoais, inclua um momento de pausa. A indicação é tirar as férias em um período de menor movimento, logo entender a sazonalidade no seu negócio é importante tanto para a sua saúde quanto para o empreendimento.

5. Invista!

Realizando os investimentos corretos, os autônomos podem crescer o seu próprio negócio e reforçar a sua atividade. O mais indicado pelos especialistas são as ações de renda fixa e com boa margem de liquidez, o ideal é diversificar a carteira e nunca apostar todas as fichas em um único ativo.

Conteúdos indicados

Entenda como negociar suas dívidas

Organizar as finanças nunca foi tão fácil

Como equilibrar o uso do cartão de crédito

Veja mais dicas de finanças para autônomos na página Serasa Ensina

Colaboração: Ana Marsiglia (Instagram @ana_marsiglia)

Fonte: arquivo pessoal

Andréa Tavares é diretora de Comunicação e Marketing e membro do Conselho Científico da Multiplicando Sonhos. É entusiasta da Psicologia Econômica e acredita na transformação por meio da Educação Financeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.