O incêndio na 25 de Março e a Educação Financeira

Incêndio na 25 de Março

Caso tenha lido o noticiário na última semana, você se deparou com o incêndio que acometeu em um empreendimento comercial na região central de São Paulo, o acidente foi tão grave que comprometeu a estrutura do prédio e colocou o demais no entorno em risco. Mas afinal, como o incêndio na 25 de Março e a Educação Financeira se conectam?

Eu vi imagens daquele incêndio nas redes sociais e fiquei imaginando quantos sonhos poderiam estar queimando ali… Quantas mercadorias, estoques e investimentos que literalmente poderiam estar virando fumaça?

São fatos como esse que comprovam o quanto a Educação Financeira é importante na vida das pessoas. É ela que vai nos abrir os olhos para o planejamento financeiro e a importância de fazer seguros do nosso patrimônio.

Existe uma infinidade de seguros como de celular, moto, carro, casa, dos nossos empreendimentos comerciais e outros. Cada um deles merece ser estudado e contratado de acordo com a exposição ao risco que se tem.

Mas hoje refletindo sobre o ocorrido na 25 de Março, falaremos sobre os seguros empresariais. Neste artigo, vamos explicar a importância dessa contratação para os negócios e te explicar quais tipos de seguros você deve conhecer.

Vem com a gente?

O que é um seguro empresarial?

Essa modalidade de seguro, contempla a proteção de patrimônio nas empresas, seja por mercadoria ou imóvel. Em alguns empreendimentos é obrigatório fechar um seguro, mas cada modalidade pode personalizá-lo como preferir, seja com uma cobertura mais simples até uma mais vantajosa.

Qual é a importância de um seguro empresarial?

Para entender a importância de realizar um seguro empresarial, aconselhamos que faça uma reflexão simples. Por quanto tempo você trabalhou para conquistar o que tem hoje? Caso ocorra um imprevisto, quanto tempo você vai levar para reconstruir seu patrimônio?

Com dois questionamentos já conseguimos entender a importância de realizar um seguro empresarial, no início pode parecer um dinheiro “jogado fora”, mas é nas adversidades que a importância se faz presente.

Quais coberturas têm um seguro empresarial?

Como falamos anteriormente, você pode personalizar o seu plano de seguro, logo existem algumas possibilidades para aumentar a sua proteção. Dentre elas:

  • Desastres naturais (alagamento, incêndio, explosões e entre outros);
  • Quebra de equipamentos;
  • Danos elétricos.
  • Roubo de bens e valores;
  • Instalações

Quais são os tipos de seguros existentes, além do empresarial?

Responsabilidade civil: neste modelo o seguro é voltado para o prejuízo com terceiros a danos resultantes da prestação de serviços, como é o caso de estacionamentos, por exemplo.

Bens da empresa: aqui o foco são os equipamentos e máquinas essenciais para o funcionamento de algumas empresas.

Funcionários: os imprevistos não ocorrem apenas com maquinário ou estrutura física, a equipe também está suscetíveis a acidentes de trabalho. Geralmente a cobertura para esses casos são de invalidez permanente ou temporária e morte acidental.

É importante pensar nesse tipo de seguro principalmente em empreendimentos de construção civil.

Pense no incêndio na 25 de Março e lembre que fazer seguros é proteger o seu patrimônio e pode evitar tragédias maiores ao seu bolso.

Leia mais em: Seguros: Tipos que existem, Coberturas e como escolher o melhor

Conteúdo indicados

Como montar um plano de ação?

Qual é o perfil do investidor brasileiro?

Como equilibrar o uso do cartão de crédito?

Colaboração: Ana Marsigilia (Instagram @Ana_marsiglia)

Autor: Andréa Tavares

Arquivo pessoal

Andréa Tavares é diretora de Comunicação e Marketing e membro do Conselho Científico da Multiplicando Sonhos. É entusiasta da Psicologia Econômica e acredita na transformação por meio da Educação Financeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.